segunda-feira, 28 de novembro de 2011

O dia em que chorei...

Faziam meses que não chorava. Hoje chorei... Chorei pois não consigo aceitar que posso ser e tenho o direito de ser feliz. Vou contar uma pequena história. No Brasil eu dizia a minha mamãe: - mamae como eu gostaria de estudar e não precisar trabalhar. Ela me dizia : - Minha querida como eu gostaria de você estudasse sem ter a necessidade de trabalhar. Nunca reclamei da minha vida, nunca. Quando tive o merecimento de vir a França, soube o que era estudar sem trabalhar e como uma boa pessoa que nunca está satisfeita, voltei a estudar e trabalhar. Um dia no trabalho eu pensei comigo mesma, bem que poderia trabalhar só de manhã e duas semanas depois o meu patrão me propôs um horário de manhã. Estou contando isso pois eu tenho que dizer à mim mesma EU TENHO O DIREITO DE SER FELIZ!! Hoje chorei e choro ainda pois essa melâncolia não passa!!! Estou casada, tenho um marido maravilhoso e um teto. O QUE QUERO MAIS!!! Vou me dar o direito de ser feliz sim !!!! 

7 comentários:

Juju J'adore disse...

Amiga, também acho que vc Tem o direito de ser feliz, pare de pensar nas coisas que vc nao tem e agradeça por tudo o que vc ja conquistou. Posso estar errada, mas acredito que hoje, ser feliz so depende de você. Te adoro!

Noemi Szcypula disse...

Oi minha flor. Não gostaria de estar falando isso pra vc mas...já à algun tempo que choro todos os dias. Veja minha rotina: Vou até o comp. vou até as minhas caixinhas olho-as e volto para o quarto e me deito, momento esse que choro, feito uma bezerra véia desmanada, ligo para o Ricardo que me consola, corro atraz de meus filhos feito a Lola (aquela do filme!) Só que eles NÂP estão fazendo nada de errado, só estão sendo felizes! mas...me sinto infinitamente só e triste. O que fiz eu então? Marquei Psicologa, minha linda vou correndo me tratar, tenho certeza absoluta (no meu caso) que isso é uma DOENÇA. Vou dizer pra mim mesma "Corra Noemi, corra!" senão o bicho papão que já me pegou vai me devorar.
Oro, Gra, oro muito, encho a paciencia de Deus, mas já disse a Palavra: Bate pede socorro que Ele te ajudará!" Oro também por vc por sua mãe e por todos . AMOTECELHEMUITO!

maesdivinas.blogspot.com disse...

A melancolia é como uma saudade que dói no peito, de algo que a gente sente o que é, mas não sabe explicar ou definir. Algo muito para além duma explicação racional, mental. É um transbordo do coração quando a gente passa por uma transição, ou um basta. É nossa alma transbordando, pedindo pra se manifestar. É como se tivéssemos entre 2 realidades, que podem ser internas, em passagem por um túnel, um limbo. Uma que ficou pra trás, que já não se encaixa, mas que ainda assim permanece fresca na nossa memória, no nosso coração. Outra que está ali, palpável, diferente, nova, e que muitas vezes assusta ou inibe. Cada passo além exige coragem e desprendimento. 2 eus lutando por sua sobrevivência. o mais confortável é sempre voltar pro que é mais conhecido, nossa comfort zone :), mas a liberdade da nossa alma habita no desprendimento do que achamos que somos, do que achamos que precisamos ou queremos, do que achamos que deixamos pra trás. Todos os dias, quando acordamos temos a possibilidade de renascer, com uma nova perspectiva da nossa realidade. Chora porque é de coração e ama tudo o que vem pela frente. Dá liberdade ao coração, como as crianças fazem. Dá asas e irradia a tua felicidade e assim é capaz de mudar tudo a sua volta pro bem de todos!
Com muito amor!

Anônimo disse...

Penso que suas ansias não cessarão até que você se dê conta da grandeza que tens em sua vida. Há perdas e ganhos. O que fazes com os ganhos? ´Porque só realças as perdas, as ausencias? A Felicidade está no aqui e no agora. Deus nos criou para sermos feliz hoje. Se assim não fosse, Ele não capricharia nos detalhes!
Um beijo, Renata D´Carpe

Noemi Szcypula disse...

Que lindas mensagens, quanto amor pra vc. Viu essas pessoas estãp te oferecendo tudo o que tem, e o que eles tem? amor!!!!

Izabel disse...

Te amo.

kassyane lopes :p disse...

A vida em alguns momentos pode não parecer fazer sentido, daí lembramos de coisas que nos fazem felizes, coisas essas que são consideradas boas como nossas lembranças.
Me ajude a divulgar o blog coisas boas da vida, sou nova nesse ramo, porem já estou te seguindo me siga também:
http://coisasboasdavida-kahlopes.blogspot.com/
obrigada desde já.