terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Carta de uma Mãe...

 
 
 
 
 
Gostaria de te amar como você merece , mas nesse momento estou aprendendo a me amar.. Gostaria de cuidar melhor de você, mas  não sei cuidar de mim mesma... Gostaria de ser menos ansiosa e ter menos medo, mas nesse momento faço como posso dentro do meu conhecimento.. Gostaria de poder voar mas nesse momento estou dando minhas asas para você...  Estou aprendendo a amar e a ter responsabilidade, nunca pensei nisso antes.. Mesmo muitos dizendo da coragem que tive, pois fui embora de um país para ser adotada em outro, sempre tive medo de me lançar na vida. E agora me lancei nessa aventura de ser mãe...
 
Gostaria de dizer que todas as noites vou te ver para saber se está bem e que basta você dizer mamãe para eu sair correndo te acudir. Esse sentimento é muito difícil de lidar , aprender a amar alguém sabendo que esse alguém vai voar sozinho.
 
Gostaria de te dar toda a minha paciência, mas como dar algo que ainda não se adquiriu?  Fazem trinta e três anos que estou a procura dessa  virtude e como cobrar de você não é? Perdoe essa tua mãe tão cheia de defeitos Vou fazer sempre o melhor que posso daqui para frente.
 
 

Nenhum comentário: